Legumes cozidos no microondas

Legumes no MicroondasAcho que não é novidade pra ninguém que eu gosto de cozinhar, mas tem dias que até eu, curto a praticidade, as coisas rápidas!

Daí que eu estava um dia desses mega atrasada pra preparar o jantar, e tinha planejado cozinhar vários tipos de legumes no vapor, pra que não ficassem muito molengas, nem aguados. Mas só tenho 1 panela de vapor e ia demorar muiiito se eu tivesse que cozinhar tudo junto!

Como eu já tinha testado as batatas cozidas no microondas, resolvi arriscar. Conforme eu descascava/lavava/picava cada legume, já ia colocando o anterior no micro.

Mais certo impossível!!!!

Para a Abobrinha gastei 10 minutos, para o Chuchu 8 minutos, para a Cenoura e a Mandioquinha 8 minutos também! A Couve-Flor eu já tinha comprado congelada, foram só 4 minutos pra descongelar! E não precisa fazer nada demais, cozinhei sem água, apenas piquei ao meu gosto e coloquei em um refratário!

E ó, ficou bem melhor do que eu pensei! Bem melhor até do que ficaria na panela!


Chuchu com gosto! Muito bom por sinal!

Fico louca da vida quando vejo alguém dizer que chuchu é ruim! Eu simplesmente adoro! Adoro salada, suflê, refogadinho! Daí que um dia minha sogra me aparece com uma receita mega fácil e que parece que deu aquele trabalhão!

Chuchu de fornoChuchu fácil!

Refogue 2 chuchu em cubos nos temperos que você gosta (eu usei 1 cebola, 2 dentes de alho, sal, azeite, orégano e pimenta calabresa seca), por uns 10 minutos, só pra amolecer mesmo! A Lu Gennari me disse que refoga no microondas! Fica mais fácil ainda!

Coloque o chuchu em um refratário que possa ir ao forno e reserve.

Bata (com o garfo mesmo) 2 ovos, 100 ml de leite e 1 pitada de sal. Espalhe essa mistura por cima do chuchu, misture com a colher levemente e salpique queijo ralado.

Leve ao forno em temperatura alta até dourar!


Nigella Express – Nigella Lawson

Você conhece a britânica Nigella Lawson? Além de chef de cozinha, ela é apresentadora de tv e jornalista. De família renomada, Nigella graduou-se na Universidade de Oxford e apaixonou-se pela culinária quando arrumou um emprego como crítica de restaurantes. Seu programa de culinária vai ao ar semanalmente pelo canal GNT, e normalmente são sempre temáticos, como Páscoa e Natal, por exemplo.

Além de escrever para o jornal The New York Times, como não poderia deixar de ser, Nigella é autora de diversos livros sobre o assunto. Eles são referências mundiais, e seu primeiro livro “Nigella Express”, é sucesso de vendas. E é sobre ele que vou falar hoje!

Eu sou adepta da “culinária fácil”. Claro: muitas vezes, um prato complicadinho, é bem mais saboroso. Dá aquele gostinho de vitória. Mas fazer comidas assim não é a realidade de quem trabalha, estuda, corre o dia inteiro. Por isso eu gosto de um prato gostoso e rápido, na maioria das vezes. E a culinária da Nigella é assim: caseira e descomplicada.

Nesse livro, ela apresenta receitas variadas, que passam por doces, sopas, carnes, massas, e que podem ser preparadas em até meia hora! Ela faz valer o título de Express e o conceito de simplicidade. Além de receitas deliciosas, todas elas dão super certo. Dá até para criar um jantar especial (e de última hora) com as receitas.

Sinceramente, é o presente ideal para quem gosta de cozinhar, mas não tem tempo pra isso. Infelizmente, o preço vai de R$69,90 a R$94,90 (Submarino, Saraiva, Siciliano, FNAC, Livraria da Travessa, Livraria Cultura). Na Estante Virtual, vai de R$49,00 a R$75,00. Mas a aquisição vale muito a pena!

Quero pedir desculpas publicamente pelo sumiço, é que o serviço tem me consumido cada dia mais. Mudar de função não é nada fácil. 😛 Mas não abandonei o CNC, de jeito nenhum!!

Super beijos e até semana que vem!


Mousse de Gelatina

Andava com uma vontade maluca de comer um determinado doce que existia na minha memória, então, aproveitando a tpm e dando também seqüência a série de doces ridículos de se fazer e super deliciosos (como o pudim da semana passada), hoje farei para vocês um doce que nem sei o nome mas que muitos já devem conhecer pois é muito bom e MUITO SEM VERGONHA DE SE FAZER.

Com vocês:

Doce sem vergonha

Dissolva um pacote de gelatina de morango em 250 ml de água fervendo

Depois acrescente mais 250 ml só que agora de água fria ou gelada

Agora acrescente 1 lata de leite condensando,

1 lata de creme de leite com soro e tudo

Bata tudo no nosso amigo liquidificador

E:

Coloque na geladeira até endurecer.

Viram como é difícil??

Gente, acreditem, esse doce é tudo de bom, esses dias tinha ele como sobremesa no local onde trabalho e ele acabou rapidinho, comi me deliciando e pensando: gente! Muito bom, como será que se faz? Pelo que me lembro é fácil. Vivenciando esta experiência resolvi experimentar e tentar fazer mesmo sem uma receita pré-definida, olhando apenas os ingredientes no cardápio e conversando com a mãe de uma amiga.

Aconteceu algo de estranho no preparo, ele ficou bicamada, se é que essa palavra existe neste contexto, o do trabalho não tinha bicamada e o doce da minha memória também não. Bem, eu não sei nem o nome do doce que fiz então quem dirá o porque da bicamada…  Alguém me ajuda?

Como vocês viram, mesmo com a bicamada, ele é muito sem vergonha para se fazer, a única desculpa para não cozinhar só pode ser a preguiça ou às vezes a falta de grana para se comprar determinado ingrediente. Mais nada.


Carne com Batatas (Picadinho)

 

 

Buenas povo…

Fim de semana com as crianças é sinônimo de comida de verdade e até meio saudável. Fazer o que né…

Apesar de já estarem estragando meu filho com besteiras (às vezes estrago também), tento não fazer isso. Como ainda não dá para estragar a minha menina e a mãe dela não mandou a comida dela, tive que fazer algo bom para os dois.

Mas aí bateu aquela preguiça… Tinha que achar algo rápido e fácil…

Ai surgiu a Carne com batata e cenoura

  • óleo suficiente para cobrir o fundo da panela
  • 1 kg de coxão mole em cubos
  • 4 dentes de alho amassados
  • 1 cebola picadinha
  • 1 tabletes de caldo de carne
  • 1/2 kg de batata descascada e picada
  • 2 cenouras em rodelas
  • Sal à gosto

preparo

  1. Em uma panela, aqueça o óleo
  2. Coloque a carne e não mexa pra não soltar água
  3. Vá virando conforme for fritando e formando uma casquinha
  4. Coloque água aos poucos
  5. Acrescente o caldo de carne, o alho e a cebola
  6. Adicione mais um pouquinho de água e deixe ferver
  7. Quando formar um caldo grosso, e a carne estiver macia, adicione a batata e a cenoura
  8. Deixe a batata e cenoura cozinhando
  9. Se necessário, adicione sal.

Espero que gostem!!!!