Macarrão Alho e Óleo


Olá pessoal todo!

Eu já estava com saudades de vocês, de cozinhar principalmente, espero que tenham curtido o feriado, o dia de hoje está lindo, estou muito bem humorada, logo super a fim de arrasar na comida.  Para esta coluna tenho uma novidade: hoje eu prepararei o almoço para minha mãe (sim, aquela que ligava de dez em dez minutos para saber se a casa não estava pegando fogo quando resolvi dar início as minhas artes culinárias). A mamãe me deu um voto de confiança e me jogou a responsabilidade de fazer o nosso “rango”.

Dando início a minha nova série de desafios gastronômicos, com vocês:

Macarrão Alho e Óleo.

Fácil?  Para mim é quase que como a primeira tentativa pra valer. Vamos fazer pra valer?

Em uma panela, ferva a água com um fio de óleo ou azeite para ajudar a massa a não ficar “unidos venceremos”. Acrescente um pouco de sal também.

Medida não é comigo e quero fugir delas, uma cozinheira com prática faz tudo de olho e com muita coragem e confiança. Partindo deste ponto, escolhi uma panela, enchi a mesma quase por completo, deixando apenas um espaço para minha própria segurança. A quantidade de macarrão para ser cozido será á que eu julgar compatível com a quantidade de água.

Assim que a água começar a ferver adicione o macarrão e mexa de vez em quando (para este cozinhar por um todo) até a massa ficar no ponto (nas minhas contas por volta de 15 minutos). Vide conteúdo final do texto.

Escorra a água e prepare-se para refogar o macarrão: Doure o alho no óleo e logo depois acrescente o macarrão, frite-o. Tomei a liberdade e fritei um pouco de salsicha junto com o alho e o óleo, antes de acrescentar o macarrão.

Algumas considerações finais e pedidos de conselhos públicos.

Eu particularmente achei o tempero muito bom, o gosto do alho fritinho na medida certa, sem queimar nada (vejam que loucura) como também um certo gostinho de óleo estavam super nítidos no macarrão, porém, minha mãe achou que faltou sal. Aí eu penso: Para mim o tempero tava ótimo e para ela faltou sal no cozimento. E ai? O que é mais importante? Sal? Ou o gosto do alho e do óleo? Os dois juntos? (Mas assim será que dá pra sentir algum sabor nítido?).

E outra coisa, mas isso já é fato e não especulação.

O macarrão tava tão molinho que quebrou na hora que fui refogá-lo. Para mim eu o deixei cozinhar demais, ao invés de 15 minutos, já nos 10 eu deveria ter desligado o fogo. Minha mãe acha que ele quebrou porque eu o mexi demais na hora do cozimento e de forma indelicada, sendo assim, não por excesso de cozimento.

Paralelamente a isso tudo o “rango” ficou bom e ganhei nota 7,5.

Ainda bem que a beleza dos pratos ainda não é pauta de avaliação aqui em casa. (risos)

Entre na Conversa!


Um comentário para “Macarrão Alho e Óleo

  1. Juju, já estávamos todos com saudades dos seus posts tmb…

    Aqui vão as minhas dicas:

    Cozimento: Não adianta “achar” quanto tempo vai ser melhor. O ideal é seguir as instruções do pacotinho do macarrão. Normalmente é de 8 a 11 minutos, dependendo do tipo de macarrão. 15 minutos realmente é muito tempo e vai amolecer e quebrar a massa.

    Sal: Pelo que você descreveu, só colocou sal na água. Então realmente vai faltar sal. Tudo que você cozinhar, que for prato salgado, claro, tem que colocar sal. Talvez o sal que você sentiu seja do queijo ralado. Da próxima, coloque um pouco de sal e experimenta sem o queijo ralado, vai ver que fica uma delícia.

    O macarrão recomendado para esse prato é o espaguete, ou outro macarrão de vara. Os outros tipos são recomendados para molhos e o queijo ralado tmb.

    Mais uma dica, depois que o macarrão cozinhar, lave ele até esfriar, pois o macarrão continua cozinhando se ficar quente.

    Quanto às medidas, acho que é bom você começar a testar, pois pode ter certeza, qualquer cozinheiro segue medidas, a diferença é que depois de um tempo, você vai conseguir medir só olhando mesmo.
    Então, teste medidas… aliás seu presente de aniversário vai ser um copo de medidas… ahahah

    Ju, parabéns pelo post e pela nota da mamãe, tenho certeza que pra você esse 7 e meio valeu como mil!

    Beijo, te amo

Comments are closed.